Decoração

Como fazer um canteiro de echeverias

Nossa colaboradora Geraldini aproveitou as férias para montar esse canteiro incrível de echeverias! Separamos algumas fotos e dicas para quem quer fazer canteiros parecidos.

Antes de mais nada, considere o local: há luz suficiente para echeverias? Se o local for muito sombreado, as echeverias podem ter dificuldades. O ideal é de 2 a 6 horas de sol por dia, ou mais.

É hora de preparar o terreno. Se possível, comece com pedras, brita e uma manta para melhorar a drenagem. Em seguida uma camada generosa de substrato onde irão as echeverias. Você pode jogar o substrato diretamente sobre a terra, desde que o solo seja drenante (nunca pode formar uma “piscina” no canteiro).

Utilize uma mistura de elementos para destacar as plantas. Embora um canteiro só com echeverias funcione, elas podem se destacar mais em conjunto com outros elementos, como pedras, troncos, vasos, madeira, antiguidades ou outras plantas, como cactus e suculentas.

Echeverias vêm em cores variadas! Aproveite a diversidade de formatos das plantas para montar “desenhos” no seu canteiro, como faixas, círculos, quadrados, cantos. Uma boa dica é escolher uma variedade mais premium, como a Echeveria Afterglow, por exemplo, e colocar como destaque da montagem.

Lembre-se que echeverias crescem e podem atingir até 30cm de diâmetro, ou mais em algumas variedades. Faça o canteiro com espaço entre as mudas e deixe que cresçam, dominando o espaço aos poucos! Você também pode ir plantando mudinhas novas nos espaços mais vazios, nada melhor do que ver um canteiro desses ganhar vida com o passar do tempo!

Rega de canteiros

Um canteiro recém-montado precisa ser regado! Sempre que replantar uma echeveria, você precisa molhar bem. Depois disso, observe o comportamento do substrato.

Um substrato bem drenado com espaço de respiro entre as plantas costuma secar em uma semana em dias quentes de verão. Então pode molhar novamente. Se o substrato estiver úmido, pode espaçar as regas, e molhar até uma vez por mês, reduzindo as regas de acordo com o clima e com o crescimento das plantas.

Duas dicas importantes em canteiros: plantas grandes e bem estabelecidas que estão expostas ao tempo não precisam de rega! Deixe que a chuva molhe! 😉

Cuidado com canteiros nos quais as plantas estão muito próximas. Se as folhas formam “um cobertor” sobre o substrato, ele vai segurar a umidade, ou seja, mais cuidado com a rega para não dar fungo nas raízes. Se em sua cidade chove muito, é melhor deixar as plantas um pouquinho mais espaçadas para a água poder evaporar.

Tem mais dúvidas sobre echeverias em canteiros? Pergunte para a gente!

You may also like

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *